Família ê, Família á…

em 28 de Maio de 2017. Categoria: Sem categoria

Às vezes eu chego na casa dos meus pais falando alto.
Acordo meu pai quando chego lá. É uma falta de respeito que eu pratico consciente: se ele acorda, fica me ouvindo, divaga comigo… Gosto quando meus pais me escutam e gosto quando falam comigo. Gosto quando eles estão realmente escutando, usando muito mais do que os ouvidos.
Gosto de dividir as minhas coisas com eles, as pequenas vitórias e aborrecimentos cotidianos.
São momentos raros e muito bons que eu devia praticar mais.
Devia visita-los mais, para não precisar perguntar: “Mãe, onde ficam as toalhas?”
Hoje eu estava lá, falando com eles, os olhos brilhando (quase lágrimas, quase sorrisos que saltam dos olhos) e olhei para os meus pais, e senti uma vontade de saber onde ficam as toalhas e em que gaveta minha mãe guarda o abridor de latas. Vontade de saber sem perguntar.
Senti uma vontade de fazer parte dessa casa, mesmo sendo só uma hóspede de domingos.

domingo em família, dia de sol em família, almoço em família em dia de sol

---